Cifoplastia com Balão - Compreenda as Indicações e a Realização do Procedimento

Cifoplastia com Balão – Compreenda as Indicações e a Realização do Procedimento

A cirurgia de cifoplastia com balão é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo para tratar fraturas por compressão vertebral causadas por ossos enfraquecidos.

Continue a leitura deste artigo para saber mais sobre o procedimento de cifoplastia com balão, como ele é realizado, suas indicações e possíveis efeitos.

Fraturas por Compressão Vertebral

Fraturas por compressão vertebral ocorrem quando os ossos da quebram devido a trauma, como acidente de carro ou queda, mas são mais comumente resultado de osteoporose, uma condição que causa enfraquecimento dos ossos.

As fraturas por compressão ocorrem mais comumente na parte média e inferior das costas devido à carga de suporte de peso da coluna. Essa carga pode causar o esmagamento das vértebras quando há fraqueza óssea. Quando a vértebra é esmagada, ela fratura e cai sobre a vértebra abaixo dela. Os sintomas variam de dor intensa a nenhuma dor.

Esta com Dores na Lombar?
Marque sua Consulta com o Ortopedista Hoje mesmo.

Fraturas por compressão podem levar à deformidade progressiva da coluna vertebral. Quando ocorrem múltiplas fraturas, uma condição conhecida como cifose, ou corcunda da viúva, faz com que as costas fiquem arredondadas e inclinadas para a frente. Essa curvatura anterior da coluna pode afetar a qualidade de vida, tornando mais difícil respirar, comer, caminhar ou dormir.

Indicações de Cifoplastia com Balão

A cifoplastia com balão é uma cirurgia eletiva para tratar fraturas dolorosas por compressão da coluna vertebral que não responderam a medidas de tratamento conservadoras, como repouso, medicação ou órtese lombar.

As indicações incluem:

  • Fraturas por Compressão Vertebral por Osteoporose;
  • Fraturas por compressão vertebral causadas por ossos enfraquecidos em pacientes com diagnósticos como câncer metastático, doença renal, linfoma e mieloma múltiplo;
  • Dor intensa e deformidade relacionada a uma fratura vertebral que não é aliviada por tratamentos conservadores, como analgésicos e órteses.

Procedimento Cirúrgico

O objetivo da cirurgia é:

  • Aliviar ou reduzir a dor do paciente;
  • Restaurar a vértebra fraturada à altura anterior à fratura;
  • Melhorar a funcionalidade da coluna;
  • Restaurar o alinhamento normal da coluna

A cirurgia é realizada em condições estéreis na sala de cirurgia com o paciente sob anestesia geral ou local e deitado de bruços na mesa cirúrgica.

  1. Seu cirurgião fará 2 incisões muito pequenas no local da fratura.
  2. Um cateter balão é inserido através das incisões e no corpo da vértebra afetada.
  3. Os balões são inflados com um líquido, sob orientação de raio-x fluoroscópico, dentro da vértebra colapsada.
  4. Isso cria uma cavidade e ajuda a restaurar a vértebra à altura e ao alinhamento anteriores à fratura.
  5. O cirurgião então esvazia e remove os balões deixando uma cavidade aberta.
  6. O cimento ósseo é então inserido através dos cateteres na cavidade aberta.
  7. Depois que o cimento for cuidadosamente colocado, os cateteres serão removidos e o cimento endurecerá em minutos.

Cuidados Pós-operatórios

Muitos pacientes sentem alívio imediato da dor após a cirurgia de cifoplastia com balão. Outros podem levar alguns dias ou semanas antes de apresentar melhora.

  • Você terá permissão para se levantar e andar assim que acordar.
  • Normalmente você ficará no hospital durante a noite, porém alguns pacientes voltam para casa no mesmo dia.
  • Medicamentos para dor serão administrados para deixá-lo confortável nos primeiros dias.
  • Você ficará impedido de realizar atividades pesadas ou extenuantes durante as primeiras 6 semanas.
  • Um programa de reabilitação pós-operatória pode ser prescrito pelo seu médico para fortalecer os músculos da coluna vertebral após duas semanas.
  • Se você foi diagnosticado com osteoporose, é importante que você consulte seu médico para iniciar as abordagens de tratamento específicas de sua condição.

Riscos e Complicações

Tal como acontece com qualquer cirurgia de grande porte, existem riscos potenciais envolvidos. A decisão de prosseguir com a cirurgia é tomada porque as vantagens da cirurgia superam as potenciais desvantagens.

É importante que você seja informado sobre esses riscos antes da cirurgia.

As complicações médicas incluem as do anestésico e o seu bem-estar geral. Quase qualquer condição médica pode ou não ocorrer, porém, as mais comuns incluem:

  • Reações alérgicas aos medicamentos utilizados;
  • Perda de sangue que requer transfusão com baixo risco de transmissão de doenças;
  • Problemas cardiovasculares, insuficiência renal, pneumonia, infecções da bexiga;
  • Danos nos nervos.

Problemas médicos graves podem levar a hospitalização prolongada ou, raramente, morte.

As complicações específicas da cirurgia de cifoplastia com balão incluem:

  • Danos nos nervos ou lesões na medula espinhal devido a instrumentos mal colocados;
  • Danos nos nervos ou lesões na medula espinhal devido ao vazamento de cimento;
  • Infecção profunda ou superficial da ferida.

Consultar um médico cirurgião de coluna experiente para orientar-se sobre o procedimento e realizar a cifoplastia com balão é a melhor forma de obter uma indicação adequada e minimizar o risco de complicações.

Mais informações sobre este assunto na Internet:
Diga Adeus às suas Dores.
Reserve a sua Consulta com Ortopedista.