Fratura da Coluna Cervical - Saiba Mais

Fratura da Coluna Cervical – Saiba Mais

Uma Fratura da Coluna Cervical pode acontecer por causa de queda, acidente de carro ou violência. Em pessoas idosas ou com ossos fracos por causa de doenças, mesmo uma torção forte e repentina pode quebrar seu pescoço.

Seja como for, esse tipo de trauma é sério e assustador. Uma fratura no pescoço pode paralisar você ou até mesmo levar à morte. Continue a leitura e saiba mais sobre as Fraturas da Coluna Cervical.

Compreenda a Fratura da Coluna Cervical

Os sete ossos do pescoço são as vértebras cervicais. Eles sustentam a cabeça e a conectam aos ombros e ao corpo. Uma fratura ou quebra em uma das vértebras cervicais é comumente chamada de pescoço quebrado.

As fraturas cervicais geralmente resultam de traumas de alta energia, como colisões de automóveis ou quedas. Os atletas também estão em risco. Uma fratura cervical pode ocorrer se:

  • Um jogador de futebol golpeia um adversário com a cabeça;
  • Um jogador de hóquei no gelo é atingido por trás e se choca contra alguma estrutura;
  • Uma ginasta erra a barra alta durante um movimento e cai;
  • Um mergulhador atinge o fundo de uma piscina rasa.

Qualquer lesão nas vértebras pode ter consequências graves porque a medula espinhal, a conexão do sistema nervoso central com o corpo, passa pelo centro das vértebras. Danos à medula espinhal podem resultar em paralisia ou morte. Lesões na medula espinhal no nível da coluna cervical podem levar à paralisia temporária ou permanente de todo o corpo do pescoço para baixo.

Resposta de Emergência

Em uma situação de trauma, o pescoço deve ser imobilizado até que as radiografias sejam tiradas e revisadas por um médico.

Pacientes conscientes com lesão aguda no pescoço podem ou não ter dor cervical intensa. Eles também podem ter dor que se espalha do pescoço para os ombros ou braços, resultante da compressão de um nervo pela vértebra. Pode haver hematomas e inchaço na nuca.

O médico fará um exame neurológico completo para avaliar a função nervosa e pode solicitar estudos radiográficos adicionais, como ressonância magnética ou tomografia computadorizada, para determinar a extensão das lesões.

Tratamento

Você pode sofrer diferentes tipos de danos em uma fratura no pescoço. O modo como você é tratado depende dos detalhes de sua lesão.

Colar Cervical

Se você tiver apenas uma pequena fratura, usar um colar cervical por até 8 semanas irá ajudá-lo a se curar. Esses dispositivos mantêm seu pescoço alinhado enquanto a fratura cicatriza.

Tração

A tração deve ser sempre evitada. Se você tiver uma fratura grave ou instável, pode precisar de tração, porém sempre internado e com vigilância médica. A tração permite redução de uma fratura desviada. Deve ser realizada apenas em ambiente hospitalar, pelo risco de lesão neurológica.

Cirurgia

Muitos danos ao pescoço, coluna e vértebras podem exigir cirurgia. Os procedimentos cirúrgicos podem:

  • Reconectar os fragmentos de osso;
  • Reparar vértebras em sua coluna;
  • Aliviar a pressão na sua medula espinhal;
  • Remover os discos intervertebrais danificados.

Algumas cirurgias podem incluir o uso de placas, gaiolas, parafusos, próteses ou fios.

Recuperando-se de uma Fratura Cervical

O tempo geral de recuperação depende se você tem ou não lesões permanentes. Pode ser necessário:

  • Ficar no hospital enquanto você se recupera;
  • Utilizar um tubo de respiração quando na perda da consciência;
  • Tomar medicamentos para dor ou infecção;
  • Realizar fisioterapia.

A reabilitação pode durar meses. A fratura do pescoço às vezes pode resultar em lesão da medula espinhal e paralisia. Isso pode exigir grandes mudanças na vida, envolvendo trabalho, família e vida social.

Prevenção

Você pode ajudar a proteger a si mesmo e sua família se:

  • Sempre usar o cinto de segurança ao dirigir ou ser passageiro de um carro;
  • Nunca mergulhar em uma área rasa de piscina e certificar-se de que os jovens sejam devidamente supervisionados ao nadar e mergulhar;
  • Usar o equipamento de proteção adequado para seu esporte e seguir todos os regulamentos de segurança.
Mais Informações sobre Fratura da Coluna Cervical na Internet:
Compartilhar: