Quando a Dor nas Costas é uma Emergência Médica?

Quando a Dor nas Costas é uma Emergência Médica?

Quando a Dor nas Costas é uma Emergência. As causas para a maioria das ocorrências de dor nas costas não são uma emergência, mas a dor intensa e os sintomas relacionados geralmente aumentam a ansiedade e levam a uma visita ao pronto-socorro.

Embora a dor nas costas seja normalmente tratada em um ambiente ambulatorial, os médicos geralmente são cautelosos e procuram sinais de alerta de causas neurológicas ou com risco de vida. Essas causas são raras, mas, se presentes, são consideradas uma emergência médica e requerem tratamento imediato para preservar a função das costas e/ou pernas.

Neste artigo, compreenda quando a dor nas costas pode indicar uma emergência médica e os sintomas de alerta a serem observados.

Quando a Dor nas Costas é uma Emergência

Ao lidar com dores nas costas severas, fazer um julgamento sobre procurar ajuda em um consultório médico ou visitar o pronto-socorro pode ser difícil.

A lista a seguir descreve os sintomas e sinais relacionados a condições que podem ter resultado em danos na medula espinhal ou coluna, e normalmente são considerados uma emergência médica.

Síndrome da Cauda Equina

Danos aos nervos da cauda equina podem causar síndrome da cauda equina, uma condição que resulta em graves deficiências na parte inferior das costas e nas pernas. Os sintomas característicos desta condição incluem:

  • Dificuldade ou incapacidade de controlar os movimentos intestinais com perda sensorial e diminuição do tônus ​​esfincteriano na região anal;
  • Dificuldade para urinar, sensação urinária reduzida, perda do desejo de urinar e/ou jato fraco;
  • Dormência na virilha, nádegas, genitais e/ou parte interna das coxas;
  • Disfunção sexual.

A síndrome da cauda equina pode ocorrer como resultado de trauma agudo ou desenvolver-se sem um evento desencadeante, devido à progressão de uma condição subjacente. Essas condições podem incluir uma hérnia de disco lombar, estenose espinhal lombar ou tumor espinhal que afeta os nervos da cauda equina.

Tumor Espinhal

Tumores da coluna podem causar dor nas costas como primeiro sintoma. Com o tempo, eles geralmente são acompanhados por outros sintomas, como:

  • Dor intensa apesar do repouso e da medicação;
  • Febre e calafrios;
  • Dor noturna;
  • Suor noturno;
  • Fraqueza motora progressiva ou súbita na(s) perna(s);
  • Perda de peso inexplicável.

Os tumores podem se originar na coluna ou se espalhar para a coluna a partir de outras partes do corpo, caso em que é mais provável que se alojem nas vértebras devido à extensa rede de vasos sanguíneos da coluna. Os sintomas nas costas e nas pernas ocorrem de acordo com a localização do tumor na coluna.

Infecção Espinhal

Micro-organismos nocivos podem viajar para a coluna de outras partes do corpo onde existe infecção, causando uma infecção espinhal, que resultará em dor nas costas. Os sintomas de uma infecção na coluna são variáveis ​​e dependem da idade do paciente, da gravidade do quadro e da localização na coluna. Além da dor nas costas, os sintomas de infecção na coluna podem incluir alguma combinação dos seguintes:

  • Febre com calafrios;
  • Dor que é pior à noite;
  • Inchaço e possível calor e vermelhidão ao redor do local da infecção;
  • Perda de peso inexplicável.

Uma infecção espinhal pode se mover para o canal espinhal e causar um abscesso epidural, que pode pressionar os elementos neurais, como a medula espinhal, cauda equina e/ou raízes nervosas espinhais. Dependendo do nível de infecção e/ou da gravidade, sintomas do tipo ciática, como dormência, fraqueza ou paralisia, podem ocorrer nas áreas do corpo abaixo do local afetado.

Trauma

A dor nas costas que ocorre imediatamente após o trauma agudo na parte superior ou inferior das costas exige uma avaliação urgente. Exemplos de trauma agudo incluem lesões súbitas de eventos como escorregões, quedas, prática de esportes ativos ou acidentes com veículos motorizados.

Dor nas costas moderada a grave pode se desenvolver como o único sintoma ou pode ocorrer em conjunto com sintomas neurológicos, como:

  • Dor e dormência nas pernas;
  • Incapacidade de levantar o pé;
  • Perda completa de sensibilidade em uma ou ambas as pernas, indicando paralisia.

Lesões de trauma agudo nas costas podem resultar em uma fratura da coluna vertebral ou espondilolistese grave, que pode comprimir ou ferir a medula espinhal e/ou cauda equina no nível envolvido. Se existir uma condição subjacente de enfraquecimento dos ossos, como osteoporose, mesmo traumas leves podem causar fraturas por compressão na coluna.

Quando ocorre uma lesão, sintoma ou sinal preocupante relacionado à dor nas costas, é importante tomar uma decisão imediata de buscar atendimento médico profissional.

Mais Informações sobre este assunto na Internet:
Compartilhar: