Dor no Cóccix ou Coccidinia - Entenda as Causas, Sintomas e Formas de Tratamento

Dor no Cóccix ou Coccidinia – Entenda as Causas, Sintomas e Formas de Tratamento

Dor no cóccix, sintoma também chamado de Coccidínia, é simplesmente a dor que ocorre ao redor do cóccix: a estrutura óssea na base da coluna vertebral.

O Cóccix consiste em 3 a 5 segmentos vertebrais que são tipicamente semi-fundidos. Embora o cóccix seja muito pequeno, ele tem várias funções: ajuda a apoiar a coluna vertebral e muitos músculos, tendões e ligamentos percorrem a área.

Continue a leitura deste artigo para saber mais sobre a dor no cóccix, suas causas, sintomas e formas de tratamento.

Em que Consiste a Dor no Cóccix?

A coccidinia é uma condição caracterizada por sensação de desconforto ou dor na região do cóccix, localizada na parte inferior da coluna vertebral.

Esta com Dores na Lombar?
Marque sua Consulta com o Ortopedista Hoje mesmo.

Essa dor pode variar de leve a intensa, e ser agravada por sentar-se por longos períodos de tempo ou ao levantar-se de uma posição sentada.

A dor no cóccix é uma condição que pode afetar significativamente a qualidade de vida de uma pessoa. Além do desconforto físico, a dor no cóccix pode levar à limitação da mobilidade, dificuldade para sentar-se e até mesmo interferir nas atividades diárias. É importante procurar um profissional de saúde para um diagnóstico preciso e um plano de tratamento adequado.

Embora muitos casos sejam autolimitados e se resolvam com pouco ou nenhum tratamento médico, outros casos são notoriamente persistentes, difíceis de tratar e estão associados a dor crônica intensa e incapacitante.

Causas

Existem muitas causas de dor coccígea, variando de lesões musculoesqueléticas (como contusões, fraturas, luxações e instabilidade ligamentar) a infecções (osteomielite) e malignidades fatais (como cordoma). Veja a seguir os principais fatores que podem levar a este desconforto:

  • Assento prolongado ou repetitivo em superfícies duras, estreitas e / ou desconfortáveis;
  • Trauma externo que normalmente ocorre como resultado de uma queda para trás que leva a um cóccix machucado, deslocado ou quebrado;
  • Trauma interno, normalmente durante o parto, mais comumente se o parto é difícil, ou instrumentos são usados ​​para ajudar no parto. Um Trauma interno também pode ocorrer com esforço devido à constipação e hemorroidas.

A dor no cóccix também pode ser resultado de problemas não traumáticos, como:

  • Doença articular;
  • Sentar-se em uma má postura;
  • Hipomobilidade ou hipermobilidade da articulação sacrococcígea;
  • Infecções, esporões e crescimentos ósseos (raros).

Fatores de Risco

  • As mulheres são 5 vezes mais propensas que os homens a sofrer com dor no cóccix;
  • Indivíduos com aumento do índice de massa corporal são três vezes mais propensos a desenvolver dor no cóccix;
  • Adolescentes e adultos são mais propensos a desenvolver dor no cóccix do que crianças;
  • A rápida perda de peso pode resultar no desenvolvimento de dores no cóccix devido à perda de amortecimento.

Sintomas

O principal sintoma da coccidínia é a sensibilidade combinada com uma dor incômoda na área do cóccix, bem na parte inferior da coluna, entre as nádegas. Essa dor geralmente piora quando você está sentado ou encostado nas costas.

A coccidinia também pode ser descrita como:

  • Dor na região do cóccix, geralmente descrita como uma dor maçante, embora possa ser um tipo de dor aguda ou pontada em alguns indivíduos;
  • O sintoma de dor geralmente é agravado com a permanência prolongada em algumas posições, como inclinar-se para trás enquanto está sentado;
  • A dor piora quando se levanta de uma posição sentada;
  • Atividades sexuais e os movimentos intestinais podem piorar a dor;
  • A dor pode irradiar para as pernas ou para as costas.

Outros sintomas podem ocorrer, incluindo:

  • Náusea e vômito;
  • Perda de sensibilidade;
  • Fraqueza muscular;
  • Dor retal.

Diagnóstico da Coccidínia

Um histórico médico completo e exame físico são muito importantes. Informe ao médico se você teve algum ferimento específico, recente ou em um passado remoto, ou se você já teve trabalho de parto prolongado ou um ferimento durante o parto.

É importante examinar essa área para encontrar massas ou abscessos incomuns (infecções). Uma radiografia lateral do cóccix é realizada para ajudar a encontrar qualquer problema coccígeo significativo, como uma fratura.

Também podemos solicitar exames mais sofisticados, como tomografia computadorizada ou ressonância magnética (RM).

Tratamento da Coccidínia

O tratamento geralmente consiste em anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs) – como ibuprofeno e naproxeno – para reduzir a inflamação (inchaço) e o uso de uma almofada terapêutica para aliviar a pressão do cóccix ao sentar-se. Pode levar muitas semanas ou meses de tratamento conservador antes que haja um grande alívio da dor.

Outros tratamentos possíveis para a coccidínia incluem o seguinte:

  • Realização de fisioterapia. Isso pode incluir exercícios para esticar os ligamentos – o tecido que conecta osso a osso em uma articulação – e fortalecer os músculos de suporte;
  • Tratamentos como calor, massagem e ultrassom também podem ser usados;
  • Infiltrações com anestésico local e/ou corticoides
  • A coccigectomia (cirurgia para remover o cóccix) é considerada apenas em casos raros e muito graves, quando o manejo conservador extenso não controla a dor. Os principais riscos da cirurgia são problemas de infecção e cicatrização de feridas. Há também um risco significativo de que a cirurgia não traga alívio da dor;
  • Depressão e ansiedade devem ser tratadas e um programa multidisciplinar de reabilitação da dor crônica pode ser oferecido em alguns casos.
Mais informações sobre este assunto na Internet:

Artigo Publicado em: 25 de outubro de 2019 e Atualizado em: 21 de julho de 2023

Diga Adeus às suas Dores.
Reserve a sua Consulta com Ortopedista.